Sport  continua no Z4 após derrota pra o Bahia por 2 a 0

      06 SET 2018
      06 de Setembro de 2018

      Jogando fora de casa, o Sport não conseguiu segurar o Bahia, nesta quarta-feira (5), e acabou sendo derrotado por 2 a 0, na Arena Fonte Nova, em Salvador/BA, pela 23a rodada do Brasileirão.

      O jogo O Leão bem que começou o jogo mostrando confiança, marcando a saída de bola dos baianos e diminuindo os espaços no meio campo. Com isso, forçou Bahia a errar muitos passes e fazer jogadas em contra-ataques achando espaços na zaga do Tricolor de Aço.

      O Sport ficou perto de abrir o placar com o gol vazio, após um drible de Cláudio Winck no goleiro, mas Nino Paraíba afastou a bola da área. Já o Bahia fez Magrão também trabalhar em alguns lances e se não fosse a trave, num chute de Ramires dentro da área, aos 39, os baianos teriam aberto o placar. Já aos 46, Ernando entra na área e cruza tirando do goleiro Douglas, mas Nino Paraíba afastou o perigo.

      Assim, o zero a zero acabou fazendo jus à boa postura reativa dos rubro-negros e o erro de finalização do Bahia, num lance claro de gol. O Sport foi para o intervalo tendo apresentado uma performance melhor do que diante do Paraná, quando venceu, mas sem convencer.

      Na volta, o Bahia começou buscando agredir mais o Sport e, antes dos 10 minutos já abriuo marcador com Gilberto, após excelente jogada de Gregore: 1 a 0.

      O Leão acabou sentindo o gol e se desestabilizou em campo. Eduardo Baptista colocou Rafael Marques (Cláudio Winck) e Fellipe Bastos (Neto Moura), antes dos 20 minutos, mas não houve melhora.

      O Bahia passou a ter mais espaços e o segundo gol foi uma questão de tempo. Aos 29, Gilberto ajeitou de peito, mas Zé Rafael mandou pra fora na entrada da área. Substituindo Deivid, o atacante Matheus Gonçalves fez boa jogada pela direita e cruzou, mas Ernando “furou” no cabeceio e desperdiçou a chance de empatar, aos 32.

      Sete minutos depois, Gilberto tentou driblar a zaga do Leão, mas a bola ficou com Ederson que cruzou para o zagueiro Tiago só empurrar para as redes: 2 a 0.

      O Sport ainda tentou diminuir com Andrógino encobrindo o goleiro Douglas, aos 42, mas a zaga só acompanhou a bola indo pra fora. No último lance de perigo no segundo tempo, Zé Rafael chutou, Magrão evitou o terceiro gol e, no rebote Gilberto cruzou, mas Everson errou o chute dentro da pequena área.

      Felipe Bastos e Rogério ainda tentaram com chutes de fora da área, mas tiveram êxito e o Sport acabou amargando sua 12a derrota no Brasileirão e a permanência no Z4, como 17° colocado com 23 pontos. O time rubro-negro agora tem um confronto difícil, diante do Cruzeiro, sábado (8), na Ilha do Retiro.

      Detalhes  do jogo:

       

      Bahia: Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Tiago, Lucas Fonseca e Paulinho (Everson); Gregore, Élton, Ramires (Flávio), Zé Rafael e Marco Antônio (Clayton); Gilberto. Técnico: Enderson Moreira.

       

      Sport: Magrão; Ernando, Durval, Ronaldo Alves e Sander; Deivid (Mateus Gonçalves), Neto Moura (Fellipe Bastos) e Gabriel; Cláudio Winck (Rafael Marques) Rogério e Andrigo. Técnico: Eduardo Baptista.

      Local: Arena Fonte Nova (Salvador/BA)
      Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza (SP). Assistentes: Émerson Augusto de Carvalho e Anderson José de Moraes Coelho (ambos de SP).

      Gols: Gilberto (7 do 2ºT) e Tiago (39 2ºT). Cartões amarelos: Zé Rafael (Bahia). Ronaldo Alves (Sport)

      Por Daniel Pereira

      Voltar

      www.ismaradona.com.br

      Fale Conosco

      WhatsApp (87) 98156 5264

      ismaradona@hotmail.com