Pernambuco tem a sua menor representatividade na Copa São Paulo de Juniores em 5 anos

      01 JAN 2018
      01 de Janeiro de 2018

      Após duas edições seguidas emplacando cinco clubes, o futebol pernambucano vai bem desfalcado para a 49ª edição da Copa São Paulo de Juniores. Serão apenas três times, o menor número desde 2013, sendo o Santa a principal ausência. Imerso numa crise financeira, o tricolor não teve condições de bancar o time, o que não acontecia desde 2012. Presente em dose dupla no torneio anterior, Caruaru também sai de cena pelos mesmos motivos. Por outro lado, quem reaparece é o América, vice no Estadual Sub 20. Já Sport e Náutico se mantêm na disputa, fazendo valer os respectivos centros de treinamento e os nomes revelados na copinha, como o rubro-negro Joelinton (R$ 5,4 mi) e o alvirrubro Erick (R$ 2,8 mi), negociados à Europa.

      Em 2018, o América começa na cidade de José Bonifácio, no grupo 3, encarando o homônimo time da casa, o Figueirense e o Mirassol. Em Penápolis, no 7, o Náutico pega Penapolense, Linense e Desportiva Paraense. Já no 18, em São Carlos, o Sport enfrenta o dono da casa, o Confiança e o São Raimundo de Roraima. Nesta edição, classificam-se ao mata-mata os dois primeiros colocados de cada chave. Isso se deve à nova ampliação na Copa SP, agora com 128 times. Agendado de 2 a 25 de janeiro, o torneio tem 32 grupos espalhados em 31 cidades. Depois, são seis fases eliminatórias seguidas, encerrando na capital no estádio do Pacaembu.

      Desde 2001 foram 46 participações locais e em apenas 11 os representantes avançaram à fase eliminatória, chegando no máximo às quartas, uma vez. Por sinal, este é o melhor resultado geral, em 1992 (Santa), 1997 (Sport) e 2016 (Sport). No Nordeste, o ponto mais alto foi o vice do Bahia, em 2011.

      Campanhas pernambucanas no século XXI
      2001 – Santa Cruz (oitavas de final); Sport e Náutico (1ª fase)
      2002 – Santa Cruz (1ª fase)
      2003 – Santa Cruz (oitavas); Náutico (1ª fase)
      2004 – Náutico e Santa Cruz (1ª fase)
      2005 – Santa Cruz, Sport e Porto (1ª fase)
      2006 – Porto e Santa Cruz (1ª fase)
      2007 – Porto (oitavas)
      2008 – Porto e Ypiranga (1ª fase)
      2009 – Porto e Ypiranga (1ª fase)
      2010 – Porto e Atlético Pernambucano (1ª fase)
      2011 – Porto e Vitória (1ª fase)
      2012 – Sport, Porto e Vitória (1ª fase)
      2013 – Náutico e Santa Cruz (16 avos de final), Sport (1ª fase)
      2014 – Sport (16 avos); Náutico, Porto e Santa (1ª fase)
      2015 – Sport (16 avos); Náutico, Porto e Santa (1ª fase)
      2016 – Sport (quartas de final); América, Náutico, Porto e Santa (1ª fase)
      2017 – Náutico e Sport (16 avos); Santa (32 avos); Central e Porto (1ª fase)

      Participações locais (1969-2018)
      22 – Santa Cruz (primeira em 1981)
      16 – Sport (1974)
      12 – Porto (2005)
      12 – Náutico (1990)
      2 – Ypiranga (2008)
      2 – Vitória (2011)
      2 – América (2016)
      1 – Atlético (2010)
      1 – Central (2017)

      A tabela dos clubes pernambucanos (TV em parênteses):

       

      Grupo 3

      03/01 (13h00) – América x José Bonifácio-SP

      06/01 (15h00) – América x Figueirense-SC

      09/01 (13h00) – América x Mirassol-SP

       

      Grupo 7

      03/01 (16h00) – Náutico x Linense-SP

      06/01 (16h00) – Náutico x Desportiva Paraense-PA

      09/01 (16h00) – Náutico x Penapolense-SP

       

      Grupo 18

      04/01 (18h00) – Sport x Confiança-SE

      07/01 (18h00) – Sport x São Raimundo-RR

      10/01 (20h00) – Sport x São Carlos-SP 

      Por: Cássio Zirpoli
      Voltar

      www.ismaradona.com.br

      Fale Conosco

      WhatsApp (87) 98156 5264

      ismaradona@hotmail.com